O uso de enzimas redutoras é um dos novos procedimentos para eliminar essa gordura localizada em áreas difíceis de perder peso.

Todos nós temos uma parte do corpo que dificulta a perda de peso, como aquele rolinho embaixo da axila ou costas, o queixo duplo, o elástico das costas, inclusive a celulite, com este procedimento é possível reduzir ou eliminar sem cirurgia, ou bisturi.

Vamos dizer-lhe o que são as enzimas e coisas que você deve saber sobre a redução de enzimas.

Aplicação de enzimas na barriga antes e depois

Aplicação de enzimas na barriga antes e depois
Aplicação de enzimas na barriga antes e depois

As enzimas são moléculas orgânicas encontradas em nosso corpo, Aplicação de enzimas na barriga, são de natureza proteica e são responsáveis ​​por acelerar os diferentes processos químicos do nosso corpo, entre eles está o metabolismo da gordura.

Desta forma, ao introduzir as enzimas extra apropriadas, acelera o metabolismo das gorduras da zona, eliminando-as naturalmente e sem alterar o equilíbrio do corpo, resultando em medidas reduzidas em zonas difíceis e num curto período de tempo. 

Elimina a celulite. Eles também entram com enzimas como colagenase ou hialuronidase que ajudarão a potencializar os efeitos.

Entre os benefícios da redução de enzimas está que ajuda a eliminar o que conhecemos como celulite.

Aqueles nódulos de gordura que são desagradáveis ​​de se ver e afetam tanto pessoas magras quanto com excesso de peso, esse processo é eficaz em desaparecê-los para você poder olhar seu corpo sem desconforto.

As 10 coisas que você deve saber sobre a redução de enzimas

  1. Como as enzimas redutoras são aplicadas?

Eles são aplicados através de um procedimento médico que consiste em usar uma série de microinjeções que contêm enzimas redutoras, são aplicadas por via intradérmica diretamente na área que queremos perder medidas;

Ou seja, são injeções superficiais, pois são menos profundas até do que as subcutâneas, esse método é comumente conhecido como MESOTERAPIA.

  1. Quanto tempo demora a recuperação?

Sendo um procedimento minimamente invasivo, sem cirurgia ou bisturi, não requer nenhum tipo de repouso, essa é uma de suas grandes vantagens.

Você pode retornar às suas atividades normais imediatamente, a única recomendação é evitar piscinas ou praias nas dia da aplicação para prevenir infecções em pequenas feridas por agulha.

  1. Deixa marcas ou cicatrizes?

Não, sem cicatrizes, em algumas ocasiões, dependendo do organismo e da área tratada, podem se formar pequenos hematomas causados ​​pela agulha se ela tocar um vaso sanguíneo que desaparecerá rapidamente ou leve inchaço na área da punção. 

Além disso, algum tipo de inflamação pode ser observada na área tratada, isso é normal e depende diretamente da resposta de cada organismo.

Há relatos de pacientes que apresentam sensação de aumento de temperatura ou febre, que pode diminuir rapidamente com paracetamol.

  1. Quantas sessões devo fazer?

Cada pessoa é diferente de acordo com suas necessidades, corpo e área a ser tratada, o médico especialista é quem determinará quantas sessões devem ser, porém, o número mínimo de sessões recomendado é de 3 e irá variar de acordo com o caso.

  1. Quanto tempo levará para ver os resultados?

Os efeitos serão vistos progressivamente de sessão para sessão, cada corpo é diferente então não existe um tempo padrão para ver os resultados, porém você notará a diferença gradativamente.

Uma recomendação é que antes de iniciar o tratamento você se meça e use um controle entre sessões, você ficará surpreso com os resultados.

  1. há alguma contra-indicação?

Em geral, não há contraindicação, mas você deve verificar se sofre de alergias a algum dos componentes, assim como mulheres que estão amamentando, grávidas ou crianças, é aconselhável procurar outras alternativas.

  1. Devo fazer dieta antes ou durante o tratamento?

Para tirar o máximo proveito, ajuda a ter hábitos saudáveis, como fazer exercícios regularmente, beber água, manter uma dieta equilibrada, pobre em gorduras e principalmente pobre em carboidratos. 

Hábitos que não só ajudam na eficácia das enzimas redutoras, mas também evitam que o rolo ou celulite que nos incomodava reapareça.

É importante deixar claro, todo tratamento tem um efeito, cabe a nós mudarmos nossos hábitos que nos levaram a ter esses resultados desagradáveis ​​em nosso corpo.

Lembre-se que para obter resultados diferentes você tem que fazer coisas diferentes, eu te convido, ouse mudar! Comprometa-se consigo mesmo e ame-se.

  1. Tem efeito rebote?

Sem efeito rebote! Apesar de ser recomendado após o tratamento fazer sessões de manutenção, que podem variar de frequência de acordo com a avaliação do especialista, a maioria consegue durar meses com o resultado obtido antes de precisar de outra sessão.

  1. Machuca?

A maioria dos pacientes diz não sentir dor ou apenas uma leve picada da agulha.

Apesar de serem usadas agulhas extremamente finas e colocadas em áreas muito superficiais para minimizar o desconforto, há pessoas que têm um baixo nível de tolerância à dor e afirmam para senti-lo.

  1. Onde posso aplicar as enzimas redutoras?

Sendo um tratamento com procedimentos médicos, recomenda-se fazê-lo em clínica de estética com medidas sanitárias e médicos especializados, é importante para sua segurança é satisfação recorrer a pessoal qualificado.