Cachorro pode comer salmão cru

No artigo de hoje vai saber se Cachorro pode comer salmão cru  no nosso guia completo.

O salmão é um peixe de água salgada nativo das águas oceânicas do Alasca, do noroeste do Pacífico e da costa da Califórnia.

Publicidade

É um peixe de barbatanas raiadas e parte da família Salmonidae. Eles são parentes da truta, do char, do grayling e do peixe branco.

É um prato popular que é gorduroso e rico em nutrientes e pode ajudar a reduzir o risco de várias doenças.

É também um peixe muito versátil que pode ser preparado de várias maneiras para você e seu cão.

Publicidade

Cachorro pode comer salmão cru

Cachorro pode comer salmão cru
Cachorro pode comer salmão cru

Cachorro pode comer salmão cru?”Não pode! O salmão cru pode conter um microrganismo especialmente perigoso para os cães. Salmão cozido é outra história, mas salmão cru ou mal passado, se contaminado com Neorickettsia helminthoeca , é tão ameaçador que tem seu próprio diagnóstico – Doença de Envenenamento do Salmão.”

Sintomas a serem procurados

Se o seu cão comer salmão cru, fique de olho nele. Os sintomas podem aparecer em um período de seis dias. Se algum dos seguintes sintomas se desenvolver ou piorar, chame seu veterinário imediatamente:

  • Náusea, vômito ou diarreia
  • Falta de apetite
  • Febre
  • Desidratação

A “intoxicação por salmão” é importante no noroeste do Pacífico

Recentemente, levei meu cachorrinho Pepper para acampar nas montanhas Cascade. Eu o deixei cheirar ao redor do riacho e provar a água, você sabe, coisas comuns de cachorro.

Um campista próximo me deu um severo aviso de que um cachorro havia morrido de “envenenamento por salmão” na área recentemente.

Publicidade

Intoxicação por salmão ?? Sou um pai cachorro muito bem informado e nunca tinha ouvido falar disso.

Publicidade

Perguntei a um amigo veterinário, que me disse que a intoxicação por salmão é uma preocupação real para cães que comem peixes de riachos de água doce nas Cascades.

A doença é tratável com antibióticos e pode ser diagnosticada com uma amostra fecal ou uma amostra de agulha de um nódulo linfático inchado.