Cicatrização gatos castrados: Guia Completo

No artigo de hoje vais ficar a saber mais sobre a Cicatrização gatos castrados, no nosso guia completo.

Respondemos às suas perguntas sobre a castração do gato. A castração é uma cirurgia muito simples, sem nenhum problema pós-operatório.

Após a intervenção cirúrgica, é fundamental respeitar o período de recuperação dos nossos animais de estimação para que se recuperem totalmente.

A cirurgia para castrar um gato macho é a menos agressiva de todas, pois é rápida e a cavidade abdominal não é acessada. Apesar disso, tenha em mente os pontos gerais acima.

Cicatrização gatos castrados

Cicatrização gatos castrados
Cicatrização gatos castrados

Em geral, Cicatrização gatos castrados se recupera da anestesia 24 a 36 horas após a intervenção e suas sequelas 10 dias depois. Da mesma forma, os pontos são retirados após 10 a 15 dias, por isso é melhor mantê-los em repouso ou em atividade muito moderada para favorecer o processo de cicatrização.

No caso do sexo feminino, a lesão muscular decorrente da operação leva até dois meses para se restabelecer, mas após duas semanas seu nível de exercício pode aumentar gradativamente. Por sua vez, a esterilização de gatos costuma ser muito simples, podendo ser totalmente recuperados em 24 a 48 horas.

Existem muitos mitos sobre a esterilização de animais e dúvidas sobre esta cirurgia. A seguir, respondemos a algumas das principais questões que surgem em relação à castração de gatos.

1. O gato sofre de castração?

NÃO. O gato não sente dor durante a operação e, ao acordar, está sob efeito de antibióticos e anestésicos.

2. Quanto tempo leva para se recuperar da operação?

A castração é uma cirurgia simples que não envolve problemas pós-operatórios. O gato macho pode levar uma vida normal no mesmo dia da castração.

Ele demora um pouco mais para a gata para se recuperar de cirurgia, uma semana ou assim. Para uma recuperação rápida e suave, você deve se certificar de que nos dias de hoje eles se movem o menos possível e não tente remover os pontos ou grampos.

3. Qual a melhor idade para castrar o gato?

A melhor idade para castrar varia entre os veterinários. Alguns recomendam fazê-lo após o primeiro cio (normalmente a partir dos 8 meses), outros quando os animais ainda não atingiram a maturidade sexual (cerca de 5 meses), para evitar que desenvolvam comportamentos de marcação.

4. Quais são as vantagens da esterilização?

Os benefícios da esterilização para a saúde estão focados na prevenção de tumores. Além disso, esta operação serve para evitar problemas que podem ocorrer durante o calor dos gatos.

Nessa época, os gatos machos adquirem um comportamento muito especial causado pela tensão sexual que sofrem. Eles miam incansavelmente, marcam o terreno e lutam com outros gatos. Também ajuda a controlar as populações de rua e as liteiras indesejadas.

5. A esterilização tem algum inconveniente?

As únicas duas pequenas desvantagens que a castração pode causar são: os gatos castrados tendem a ganhar um pouco mais de peso e têm alguns pequenos problemas no trato urinário. No entanto, esses inconvenientes são fáceis de prevenir com uma boa dieta.

Cuidados pós-operatórios de gatos

Sintomas que podem exigir cuidados de emergência: gengivas pálidas, respiração difícil, vômitos com duração superior a 24 horas ou dificuldade para urinar.

Observação: pode levar várias semanas para que os hormônios masculinos ou femininos sejam eliminados do corpo de um gato, então você deve manter os gatos intactos (não fixos) separados para evitar a gravidez e você ainda pode observar certos comportamentos de acasalamento até que os hormônios desapareçam.

PROCEDIMENTO CIRÚRGICO

  • Seu gato foi operado com anestesia. Os efeitos da sedação podem durar 24 horas.
  • A gata teve o útero e os ovários removidos através de uma pequena incisão no abdômen.
  • O gato macho tem 2 incisões; um de cada lado do escroto. Gatos machos podem parecer como se ainda tivessem testículos. Isso é normal e o inchaço diminuirá gradualmente.
  • O processo de cicatrização leva até 2 semanas.

ATIVIDADE

  • O gato deve ficar na caixa de transporte até a manhã seguinte à cirurgia. Não tire o gato da caixa de transporte por qualquer motivo até a manhã seguinte.
  • Nas primeiras 24 horas, mantenha seu gato longe de outros animais de estimação e crianças. Descansar e dormir são essenciais para a cura.
  • Por 10 dias, seu gato deve ficar confinado em uma pequena área com comida, água e areia.
  • Mantenha seu gato dentro de casa e evite passos, pulando em móveis.
  • Os gatos podem urinar excessivamente após este procedimento devido à administração de líquidos.

USO DE E COLAR

  • Se receber uma coleira, seu gato deve usá-la o tempo todo por 10 dias. O gato pode reagir negativamente no início.

OBSERVE: que qualquer reparo necessário para danos auto-infligidos ao local da incisão resultará em custos adicionais para o proprietário.

COMIDA

  • Anestesia e cirurgia podem fazer com que seu gato tenha um estômago sensível.
  • Ofereça ¼ de sua refeição normal e água na manhã seguinte. O apetite deve voltar ao normal em 24 horas.
  • Se o seu gato estiver letárgico ou tiver vários episódios de vómitos ou diarreia durante mais de 24 horas após a cirurgia, contacte Veterinario.
  • Aos gatinhos (com menos de 3 meses) podem ser oferecidas algumas colheres de comida húmida à chegada a casa NA TRANSPORTADORA.

LOCAL DE INCISÃO

  • Salvo indicação em contrário, seu gato não tem suturas externas que precisam ser removidas. As suturas são absorvíveis e podem levar até 60 dias para serem totalmente absorvidas . Os gatos machos não têm suturas.
  • Espere um pequeno inchaço e hematomas perto da incisão.
  • Verifique o local da incisão diariamente para ver se há aumento do inchaço ou drenagem. Uma pequena quantidade de secreção clara e tingida de sangue da incisão é aceitável no primeiro dia. Ligue para Veterinario se achar que o sangramento é excessivo; se a incisão tiver odor ou se a secreção for amarela ou verde.
  • Um caroço pequeno e duro ao longo da incisão alguns dias após a cirurgia é uma reação comum à sutura quando o tecido está cicatrizando.
  • Não aplique pomada antibiótica no local da incisão.