O melão de São Caetano é conhecido por diversos nomes populares, como erva de São Caetano, fruta de cobra, erva das lavadeiras, erva de São Vicente, pepino amargo, momórdica e melãozinho. Em inglês é chamado de Bitter melon, em japonês é Nigagori e em chinês se chama Ku Gua.

O chá de melão-de-são-caetano é feito a partir de uma planta de propriedades medicinais que pode promover diversos benefícios para a saúde, ajudando a manter a pele saudável, a imunidade fortalecida, além de possibilitar o melhor controle da glicemia. Nativa do continente asiático, ela é muito usada na China, mas sua popularidade já se espalha mundo afora.

O nome científico do melão de São Caetano é Momordica charanthia e ele faz parte da família das cucurbitáceas. O nome latin Momordica significa “mordida” e se refere às bordas das folhas que parecem ter sido mordidas.

Como fazer o chá da folha do melão são caetano

Como fazer o chá da folha do melão são caetano

Como fazer o chá da folha do melão são caetano

Recipe by Felito MureneDifficulty: Facil
Servings

4

servings
Prep time

30

minutes
Cooking time

15

minutes
Calories

300

kcal

Ingredients

  • 2 colheres de sopa das folhas de melão-de-são-caetano

  • 1 litro de água fervente

Directions


  • Após cerca de 10 minutos no fogo, espere a bebida amornar antes de beber

Notes

  • Por fim, a bebida é contraindicada para gestantes e lactantes. Em excesso, pode levar à hipoglicemia, por isso, não exagere e sempre consulte um médico antes de consumi-la.

Melão-de-são-caetano: Para que serve e benefícios do chá

Previne inflamações e fortalece a imunidade

Rico em antioxidantes e vitamina C, o chá de melão-de-são-caetano pode combater e prevenir inflamações diversas no organismo, de forma que a imunidade do corpo é, então, fortalecida. Ainda, sua ação anti-inflamatória ajuda a combater os radicais livres.

Pele jovem e saudável

É justamente por ser anti-inflamatório e combater a ação dos radicais livres que o chá de melão-de-são-caetano protege a pele do envelhecimento precoce, causado pelo estresse oxidativo. Sendo assim, incluir esse chá na rotina pode ajudar a manter a pele com um aspecto jovem e saudável.

Chá de melão-de-são-caetano melhora a digestão

Rico em fibras, auxilia na digestão, prevenindo a constipação (prisão de ventre) e a sensação de inchaço. Ainda, ao facilitar o trânsito intestinal, atua a favor da perda de peso.

Ajuda no controle da glicemia

A glicemia representa o nível de açúcar no sangue. Quando presente em excesso no organismo, pode levar ao diagnóstico de diabetes ou pré-diabetes. Por isso, é importante manter a glicemia sob controle. Nesse sentido, o chá pode ser um grande aliado.

Como o Melão de São Caetano ajuda na Diabetes?

O controle de diabetes é a ação mais conhecida do melão de São Caetano, por conta de vários tipos de ativos que contribuem de formas diferentes para regular o açúcar no sangue.

Dois desses ativos, a charantina e o polipeptídeo-p (ou insulina-p), têm a estrutura molecular muito parecida com a da insulina, agindo no corpo como uma insulina vegetal. Dessa forma, os ativos “enganam” os receptores das células, permitindo a entrada da glicose nelas para serem metabolizadas.

A planta possui um ativo chamado sitosterol, que ajuda o corpo a consumir a glicose ingerida através da comida e evita que o corpo jogue para o sangue a “glicose” armazenada no fígado, diminuindo o açúcar no sangue.

melão de São Caetano também:

  • Estimula as células do pâncreas a produzirem mais insulina e se multiplicarem;
  • Aumenta a quantidade e sensibilidade dos receptores de insulina nas células;
  • Diminui a absorção de glicose no intestino;
  • Resiste aos hormônios que aumentam a taxa de glicose.

Melão de São Caetano emagrece?

melão de São Caetano pode ajudar em quadros de obesidade, mas devido às funções depurativa, digestiva e de controle de diabetes e triglicérides.

O emagrecimento pode vir como consequência dessas ações terapêuticas, no entanto, não é uma planta indicada especificamente para esse fim. Quem não for obeso e quiser tomar o melão de São Caetano para emagrecer, dificilmente vai conseguir bons resultados.

Melão de São Caetano cura câncer?

Há estudos sendo feitos em diversos tipos de câncer e os resultados têm sido satisfatórios, mas não é um remédio definitivo para o câncer. Ele pode ser usado como auxiliar no tratamento da doença e, principalmente, para a prevenção. O melão de São Caetano tem compostos antioxidantes, anti-inflamatórios e antitumorais que diminuem as chances do seu corpo desenvolver câncer.

Como tomar Melão de São Caetano: fruto, chá de folhas, tintura ou cápsulas?

A forma mais comum de ingerir o melão de São Caetano é comer o fruto, mas também tem como tomar na forma de tintura (garrafada) ou fazer o chá na forma de infusão. O chá de folhas e talos é feito na proporção de 10g por litro de água.

Quem não aguentar o sabor forte e amargo do melão de São Caetano em si (fruto), pode tomar as cápsulas também. A dose diária do pó das folhas nas cápsulas fica entre 20 a 40mg/kg/dia, dividida em 3 tomadas diárias. Também existe a opção de usar o extrato seco do fruto na dose de 500mg para tomar 2 vezes ao dia.

Depois de 3 meses de tratamento, é necessário fazer uma pausa de 2 semanas para evitar os efeitos colaterais.

melao de sao caetano em capsulas

Quais os efeitos colaterais que o Melão de São Caetano pode apresentar?

melão de São Caetano é uma planta ótima, mas há algumas contraindicações e cuidados que devem ser tomados durante seu uso.

O uso interno é contraindicado para:

  • Grávidas – pois possui ação teratogênica (sementes), ou seja, pode causar aborto ou má formação no embrião;
  • Mulheres e homens que estão tentando ter filhos – pois ela diminui a fertilidade de ambos;
  • Mulheres que estão amamentando (lactantes);
  • Crianças de até 10 anos.

A planta pode causar hipoglicemia em pessoas que não tem diabetes e em diabéticos que tomam insulina, por isso, é preciso ter cuidado para não ingerir o melão de São Caetano quando estiver com fome ou perto da hora de aplicar a insulina.

Diabéticos que vão fazer exames precisam dar uma pausa no uso da planta, pois o melão de São Caetano pode interferir nos testes laboratoriais do sangue-glicosúria e causar falso-negativo em exames que usem fitas oxidantes-reagentes e reagentes de Benedict;

É bom evitar o uso contínuo do melão de São Caetano por mais de 3 meses, pois ele pode prejudicar a flora bacteriana fisiológica, levando ao crescimento de certas leveduras oportunistas, como a cândida.

As sementes do melão de São Caetano têm uma toxicidade maior que o resto da planta, por isso é melhor evitar ingeri-las.