No artigo de hoje vais ficar a saber Como saber se o gato é fêmea pela cor, no nosso guia completo.

Uma das regras que nunca falha é que se o seu gatinho tem 3 cores de pelo, é fêmea. A margem de erro é mínima, já que um em cada 3.000 gatos tricolores é macho. A genética está por trás dessa curiosidade.

Acredite ou não, já aconteceu a mais de um que um felino é trazido em sua casa para adotar e, apesar das semanas que se passam, ele ainda não identifica se é um filhote macho ou fêmea que adotou.

Uma das dúvidas comuns dos donos de gatos é como saber o sexo de um gato, principalmente se o animal acabou de chegar em casa ou é recém-nascido.

Se você se encontra nessa situação, continue lendo e descubra como é fácil descobrir o sexo do seu novo animal de estimação através de alguns passos simples.

Como saber se o gato é fêmea pela cor

Como saber se o gato é fêmea pela cor
Como saber se o gato é fêmea pela cor

Para saber se o gato é fêmea pela cor, a cor, na verdade, é decisiva para saber se é um gato ou um gato. Em geral, os machos não têm mais do que duas cores, ao contrário das fêmeas, que podem ter três cores na pele ou ser ‘carapaça de tartaruga’.

A diretriz indica que apenas um homem de dez espécimes pode ser de três cores ou sofrer da chamada síndrome de Klinefelter: a maioria desses casos apresenta uma condição estéril.

Para concluir, se o gato que você está pensando em adotar tem três cores, há 99,5% de chance de que seja uma fêmea.

Você pode dizer se é um gato ou um gato pela cor?

Como você pode dizer se um gato é macho ou fêmea pela cor? Sim, embora não seja uma técnica muito precisa.

Caso seu novo gatinho seja muito pequeno para apreciar claramente os genitais, você pode se orientar pela cor, já que o cromossomo X é responsável por fornecer as cores preta e laranja nos felinos.

Como você bem sabe, as fêmeas são equipadas com dois cromossomos X, então é possível que seu gato seja fêmea se for de uma dessas cores: preto ou laranja.

Nos gatos, os cromossomos X determinam essas tonalidades da pelagem, mas também entra em jogo outro cromossomo, o S, que confere a cor branca à pelagem.

Os machos, por outro lado, só podem ser de dois tons: preto e branco; ou laranja e branco. Mas eles quase nunca terão às três cores em simultâneo.

É por isso que se diz que as fêmeas felinas são tricolores e os machos não. Como um fato curioso, dizemos que a grande maioria dos machos tem pelo laranja.

Essa regra, no entanto, tem suas exceções, pois o gatinho pode sofrer da síndrome de Klinefelter.

Essa alteração, também presente em humanos, faz com que os machos tenham três cromossomos (XXY), então é possível que existam gatos machos tricolores, e eles também costumam ser espécimes estéreis.

E como diferenciar um gato de um gato que é de uma única cor? Tudo que você tem a fazer é olhar para a área genital do animal.

Como saber se é um gato ou um gato pelo corpo

Uma das maneiras de saber se é um gato ou um gato é através do corpo felino. Em termos de tamanho, em gatos da mesma raça o macho não só é maior, mas também pesado e largo.

Já as fêmeas são mais leves e têm um corpo mais estilizado, como era de se esperar. Além disso, seu sistema muscular não é tão desenvolvido. Eles não são tão robustos.

A forma do focinho também pode determinar se eles são masculinos ou femininos. No entanto, são os veterinários ou especialistas em animais que podem diferenciar a olho nu.

Como diferenciar o sexo de um filhote de gato?

Há um pequeno problema com os gatinhos, que é que seus genitais não estão totalmente desenvolvidos. Por esta razão, quando os gatos são muito pequenos, seu sexo é muitas vezes confuso e você pode ter uma surpresa.

Então, como você pode saber se um gato bebê é macho ou fêmea? Além de observar a cor, que pode servir de indicador, você também pode fazer uma pequena exploração da área genital do bichinho. Lembre-se de fazê-lo com muito cuidado.

A primeira coisa é levantar o rabo do animal. No caso dos machos, você notará uma pequena abertura um centímetro abaixo do ânus.

É o prepúcio, que, por sua vez, possui uma abertura que é a uretra e, abaixo dela, estão os testículos. No caso dos gatinhos, os testículos não estão muito bem desenvolvidos, por isso é difícil vê-los com clareza.

As fêmeas, por outro lado, possuem uma pequena fenda vertical cuja extensão pode atingir o ânus. É sobre a vulva.

A distância entre os genitais dos gatos também pode ser um indicador para saber seu sexo. Por exemplo, a distância entre o ânus e os genitais é muito maior nas mulheres e elas estão em uma altura maior.

Pelo contrário, se você vir um pequeno caroço na área, é possível que seja o escroto e, consequentemente, o gato seja macho.

Embora a verificação dos órgãos sexuais possa ser fácil, dizemos que até os veterinários podem estar errados ao determinar o sexo de um filhote de gato. A dos gatos adultos é muito mais fácil de distinguir a olho nu.

Truques para saber se o seu gato é fêmea ou macho

Ao realizar o exame do seu animal de estimação, você deve levar em consideração uma série de dicas, principalmente se o gato ainda for filhote.

Comece preparando a sala em que você observará o animal de estimação.

Isso deve ser feito em um ambiente quente, pois os gatinhos são muito sensíveis ao frio; por isso, em suas primeiras semanas e meses de vida requerem a presença constante de sua mãe. Nunca faça o exame do seu gatinho em uma sala fria e úmida.

Também não é aconselhável separar o gatinho da mãe por mais de dez minutos, pois você pode colocá-lo em risco.

Uma maneira de fazer com que seu animal de estimação levante a cauda é acariciar a base da cauda; o gatinho pode revelar a área genital por conta própria. Faça sempre com muito cuidado e procure dar carinho e carinho.

É aconselhável colocar o animal de estimação em uma toalha ou cobertor muito macio e quente; isso deixará o gatinho à vontade e permitirá que você o explore.

Caso ele não permita que você o observe, o melhor a fazer é devolvê-lo à mãe e tentar novamente mais tarde.