No artigo de hoje vais ficar a saber Como saber se o whisky é original, no nosso guia completo.

E o barulho do primeiro toque diferir do segundo, o whisky é original, já que esta mudança significa que o malte se misturou ao produto.

Uma outra forma de verificação é balançar bem a garrafa e perceber se as bolhas e a espuma somem com rapidez. Se isto acontecer, o whisky é original.

Os Melhores Sites de Lojas. Para comprar Whisky no Brasil The Bar – São Paulo – Loja oficial da Diageo no Brasil (um dos melhores e mais baratos).

Drinks and Clubs – São Paulo – Site oficial da Pernod Ricard Brasil. ClickBar – Paraná – Por muitos anos muitas pessoas compram neste site.

Como saber se o whisky é original

Como saber se o whisky é original
Como saber se o whisky é original

Tente girar a cápsula para verificar se ela está bem ajustada. Como saber se o whisky é original, se parecer solto ou girar livremente em torno do pescoço, pode ter sido substituído.

Cápsulas, hologramas, fitas, selos à prova de violação e fitas adesivas de marca oferecem mais segurança do que o plástico transparente.

Veja abaixo Como saber se o whisky é original;

1. Vá para os profissionais:

Você não compraria uma garrafa de uísque raro de um cara no bar, então por que confiar nas pessoas em sites de leilão peer-to-peer ou páginas de vendas de mídia social?

A maioria dos leiloeiros são empresas altamente profissionais, com anos de experiência em detectar e lidar com falsificações. Usa-os.

2. Não tenha medo de perguntar:

Antes de comprar em uma casa de leilões, informe-se sobre a política anti-falsificação. Eles assumirão a responsabilidade se uma garrafa for falsa? Eles vão te devolver o seu dinheiro?

3. Compare e contraste:

Identificar falsificações requer experiência, mas você ainda pode fazer algumas pesquisas por conta própria.

Compare sua compra potencial com imagens genuínas online: tudo – frasco, cápsula, rótulos, cor do líquido – combina? Não se esqueça, porém, de que a embalagem pode mudar com o tempo.

4. Inspecione o fechamento:

Se a tampa à prova de violação de uma garrafa foi danificada, você não tem garantia do que está dentro. Pode ser real; pode ser chá frio. A cápsula é frouxa e facilmente removida? A mesma regra se aplica.

5. Verifique a proveniência:

Cada garrafa tem uma história, e descobri-la pode ajudar a provar sua autenticidade. Se algo não bater, investigue mais – ou vá embora.

Como identificar whisky falso com pão?

Isso mesmo, pão e uísque! E para descobrir, você vai precisar apenas pingar algumas gotinhas sobre o pão. Se ele continuar normal, o uísque é verdadeiro; mas se o pão escurecer na parte onde as gotas caíram, opa, opa: cuidado que o uísque é falso!

Continue lendo esse artigo e descubra como nunca mais ser enganado: como saber se o whisky é falso.

Passos a seguir:
1. Para saber se o whisky é falso, comece por analisar a garrafa da bebida. Analise os adesivos, lacres e rótulos pois os fabricantes de bebidas falsas cometem erros bem grandes ao produzi-las.

Os erros incluem rótulos cortados, arranhados ou desnivelados e palavras erradas.

A garrafa mal produzida afetar a conservação do whisky, prejudicando a sua qualidade e sabor, por isso recomendo que você a compare com uma garrafa original na prateleira de um supermercado para verificar as diferenças:

  • O interior da garrafa deve ter, na parte traseira, um rótulo principal com um número de série.
  • O número de série também deve estar impresso na caixinha individual do whisky.
  • Procure o selo do IPI. Ele deve estar intacto e envolvido por um lacre de segurança da DIAGEO.
  • Caso contrário, você saberá de imediato que o whisky não é original.
  • Pela lei, a garrafa de whisky deve, obrigatoriamente, ter um dosador, assim como todos os produtos destilados. Se a sua garrafa não tem dosador, o whisky é falso!

2. Em seguida, foque sua atenção na cor do whisky. Um whisky verdadeiro deve ter um tom dourado e transparente sendo que, em algumas marcas, é até possível ver o outro lado olhando através da garrafa.

Se a garrafa apresentar impurezas como pontinhos pretos, areias ou insetos, é certo que o whisky foi falsificado!

3. Após analisar a cor, você pode fazer o teste das bolhinhas para saber se o whisky é falso.

Sacuda a garrafa e veja se as bolhinhas no seu interior demoram a dissipar. O habitual é desaparecerem em 3 a 5 segundos. Caso demore mais tempo, é certo que você comprou um whisky falso.

4. Outro teste que é usado para saber se o whisky é falso é o teste do som. Com uma caneta BIC, bata na garrafa de whisky, provocando o que deve ser um som agudo.

Sacuda o whisky e bata de novo na garrafa, criando um som que deve ser mais grave. Se o som for igual, as suas chances de estar bebendo um whisky falso são maiores.

Isso acontece porque, ao sacudir a garrafa, você mistura o malte e isso faz com que a bebida fique mais concentrada.

5. Cheirar o whisky também ajuda a determinar se a bebida é contrabandeada ou não. Abra a garrafa e passe um pouco de whisky na sua mão, esperando alguns segundos para que evapore.

Caso o cheiro seja semelhante ao da cachaça ou álcool de cozinha, o seu whisky é falso. Um whisky original deve ter um cheiro amadeirado!

6. Pegar fogo na bebida pode ajudar a distinguir um whisky original do falsificado. Coloque um pouco do whisky em uma superfície plana, como um balcão de cozinha, e aproxime um fósforo aceso. Se a bebida arder por muito tempo, o whisky é falsificado!

7. Outro teste definitivo para saber se o whisky é falso é o teste do gosto. Qualquer apreciador conhece o gosto do malte e, ao provar uma bebida contrabandeada, é capaz de detetar o sabor exagerado de álcool nele.

8. O teste infalível é o teste da ressaca, que só pode ser feito no dia seguinte à bebedeira. Se você acordar com dor de cabeça e de estômago, o mais certo é o whisky ser falsificado pois está cheio de álcool de cozinha!

Prefira comprar o seu whisky em lugares de confiança, como os Free Shops e supermercados, evitando assim ter de usar os testes para saber se o whisky é falso!