Como saber se um número é primo

No artigo de hoje vais ficar a saber Como saber se um número é primo, no nosso guia completo.

Você sabe encontrar facilmente os números primos? Este artigo cobre o conceito de encontrar números primos (pequenos e grandes) usando o método de fatoração. Pela definição de um número primo, sabemos que os números primos possuem apenas dois fatores presentes neles.

Os dois fatores seriam 1 e o próprio número original. Portanto, precisamos encontrar aqui os números que consistem em apenas dois fatores. Isso é possível usando um método simples, que é chamado de fatoração de primos.

Como saber se um número é primo

Como saber se um número é primo
Como saber se um número é primo

Existem vários métodos de Como saber se um número é primo ou não. A melhor maneira de encontrar os números primos é pelo método de fatoração. 

Por fatoração, os fatores de um número são obtidos e, assim, pode-se facilmente identificar um número primo.

Encontrando Números Primos Usando Fatoração

A fatoração é a melhor maneira de encontrar os números primos. As etapas envolvidas no uso do método de fatoração são:

  • Etapa 1: primeiro encontre os fatores do número fornecido
  • Etapa 2: verifique o número de fatores desse número
  • Etapa 3: se o número de fatores for mais do que dois, não é um número primo.

Exemplo: pegue um número, digamos, 36.

Agora, 36 pode ser escrito como 2 × 3 × 2 × 3. Portanto, os fatores de 36 aqui são 1, 2, 3, 4, 6, 9, 12, 18 e 36. Como o número de fatores de 36 é mais de 2, não é um número primo, mas um número composto.

Agora, se tomarmos o exemplo de 19. A fatoração principal de 19 é 1 x 19. Você pode ver aqui, há dois fatores de 19. Portanto, é um número primo.

Como saber se um grande número é primo?

Existem algumas fórmulas de  números primos , que podem ser usadas para encontrar os primos. Para verificar se um grande número é primo ou não, siga as etapas abaixo:

  • Passo 1: Verifique o local das unidades desse número. Se terminar com 0, 2, 4, 6 e 8, não é um número primo.
Nota: “ Números que terminam com 0, 2, 4, 6 e 8 nunca são números primos. 
  • Etapa 2: calcule a soma dos dígitos desse número. Se a soma for divisível por 3, o número não é um número primo.
Nota: “ Números cuja soma de dígitos são divisíveis por 3 nunca são números primos. 
  • Etapa 3: depois de confirmar a falsidade das etapas 1 e 2, encontre a raiz quadrada do número fornecido.
  • Etapa 4: Divida o número fornecido por todos os números primos abaixo de seu valor de raiz quadrada.
  • Etapa 5: se o número for divisível por qualquer um dos números primos menor que sua raiz quadrada, não é um número primo; caso contrário, é primo.

Exceção: se um grande número terminar com 5, ele será sempre divisível por 5. Portanto, não é um número primo

Números primos de 1 a 200

Aqui está uma tabela para a facilidade dos alunos verificarem os números primos presentes entre 1 e 200.

2 3 5 7 11 13 17 19 23
29 31 37 41 43 47 53 59 61
67 71 73 79 83 89 97 101 103
107 109 113 127 131 137 139 149 151
157 163 167 173 179 181 191 193 197
199

Exemplos

Exemplo 1:

  • Pegue um número, digamos, 234256
  • Como o dígito da unidade de 234256 é 6, não é um número primo.

Exemplo 2:

  • Pegue um número, digamos, 26577
  • O dígito da unidade deste número não é 0, 2, 4, 6 ou 8
  • Agora, pegue a soma dos dígitos que será: 2 + 6 + 5 + 7 + 7 = 27
  • Como 27 é divisível por 3, 26577 não é um número primo.

Exemplo 3:

  • Pegue outro número, digamos, 2345
  • Como o número termina com 5, ele é divisível por 5.
  • 2345/5 = 469
  • Portanto, além de 1 e 2345, 5 também é um fator.
  • Portanto, 2345 não é um número primo