Você já ouviu falar no termo corte bordado? A técnica ganhou esse nome porque se trata de um verdadeiro trabalho manual para os cabelos.

O procedimento permite eliminar as pontas duplas e ressecadas dos fios, sem tirar nem um centímetro do comprimento. Conversamos com a hairstylist e visagista Lilian Gonçalves para saber como “bordar” o cabelo e quais são seus prós e contras.

Publicidade

Também conhecido como corte aéreo, o corte bordado consiste em fazer as pontas duplas e ressecadas “saltarem” do restante do cabelo. São aqueles arrepiadinhos que normalmente aparecem quando secamos os fios (e que tentamos abaixar a qualquer custo!).

Depois que as pontinhas ficam visíveis, são cortadas praticamente uma por uma, ao longo de todo o cabelo, com uma tesoura fina, afiada a laser.

Corte bordado antes e depois

Corte bordado antes e depois
Corte bordado antes e depois

As vantagens do corte bordado podem ser muitas. Uma delas é que a técnica não mexe no comprimento dos fios. Então para quem quer deixar o cabelo do tamanho que está, é ótimo. Além disso, existem outros benefícios que listamos.

  • Retira todas as pontas duplas.
  • Acaba com o frizz e pontas ressecadas.
  • Permite manter o cabelo saudável sem perder seu comprimento.
  • Dá leveza e movimento natural.
  • Deixa os cachos mais definidos.
  • Aumenta o brilho.
  • Melhora a textura.

Quem pode fazer o corte de cabelo bordado?

A técnica de corte bordado pode ser feita em qualquer tipo de cabelo! A única diferença é que os fios cacheados e crespos deverão ser muito bem alisados com escova antes de iniciar o procedimento.

Caso contrário, as ondas naturais que se formam na ponta podem ser confundidas com fios danificados. Se for cortado demais, o cabelo pode perder muito volume.

Como é feito o corte bordado?

O corte bordado pode ser feito de duas formas diferentes: com tesoura ou com uma máquina específica.

Seja qual for a técnica usada, para fazer as pontas indesejadas se sobressaírem em relação ao restante dos fios, o cabelo precisa estar limpo, seco e escovado.

Explicamos melhor como funciona cada uma delas.

Publicidade

Com tesoura

Para fazer o corte bordado com tesoura, mecha por mecha do cabelo deve ser esticada, presa entre dois dedos em forma de pinça.

O procedimento começa nos fios da nuca, enquanto o restante deve ficar preso, sendo solto aos poucos, uma mecha fina de cada vez.

Os dedos devem pinçar o cabelo próximo à raiz e ir deslizando até a ponta. À medida que as pontas duplas e ressecadas saltam, elas são cortadas uma a uma.

Em um segundo momento, todo esse processo é repetido, com uma pequena adaptação. Em vez de pinçar as mechas entre os dedos, o(a) cabeleireiro(a) irá torcê-las da raiz à ponta.

Essa é uma boa forma de se certificar de que nenhuma ponta indesejada escapou na primeira ronda. Se aparecer, é cortada novamente.

Corte bordado com máquina

Também chamada de split ender, a máquina de corte bordado é automática e promete retirar as pontas duplas sem alterar o comprimento.

“No salão, usamos apenas para retirar esses fios quebrados”, conta Ana Paula Nesi, terapeuta capilar do salão Studio Sonia Nesi, em São Paulo.

Ana se refere a uma versão profissional do aparelho. Mas já podem ser encontras versões da máquina vendidas diretamente para os clientes.

split ender se parece com uma chapinha, até mesmo no seu modo de uso. Também deve ser aplicado com fios secos e em mechas finas. “É simples e prático e o aspecto capilar muda imediatamente”, elogia a profissional.

Qual o valor do corte bordado?

O preço do corte bordado vai depender da região que você mora e do salão. Mas, em média, o serviço pode variar entre R$ 80 e R$ 200.

Quanto tempo demora para fazer o corte bordado?

Como trata-se de um trabalho manual, é necessário pelo menos uma hora (ou mais, dependendo da quantidade de cabelo) para rastrear todas as pontas danificadas e fazer o corte bordado.

Quem tem cabelos cacheados ou crespos gasta um pouco mais de tempo para alisar completamente os fios durante a secagem.

Como é a manutenção do corte bordado?

Para manter o corte bordado em dia, ou seja, cabelos sem pontas duplas, ressecamento e com frizz controlado, é preciso cuidar dos cabelos com produtos de qualidade.

As hidratações devem ser feitas semanalmente. O uso de leave-in, creme de pentear e reparador de pontas também faz com que os fios permaneçam alinhados e bonitos por mais tempo.

No caso de cabelos muito danificados, a nossa sugestão é investir no cronograma capilar, um tratamento que vai recuperar o seu fio por completo.

FAQ corte bordado

Com dúvidas sobre o corte bordado? Respondemos mais algumas perguntas, abaixo.

Qual a diferença do corte bordado para o corte normal?

O corte bordado é como um tratamento, que foca em eliminar as pontas duplas e ressecadas dos fios, sem mexer no estilo do corte e no comprimento.

Já o corte tradicional tem como objetivo mudar o visual da pessoa, podendo alterar comprimento e estilo de corte.

O corte bordado funciona mesmo?

A resposta é sim! O procedimento entrega um resultado muito satisfatório na eliminação de pontinhas duplas e ressecadas, garantindo ao cabelo um aspecto muito mais saudável.

Corte bordado estraga o cabelo?

O corte bordado não danifica, nem afina o cabelo. A técnica é justamente utilizada para fortalecer os fios e eliminar o frizz, deixando-o saudável e ainda mais bonito.

Para evitar problemas, porém, o ideal é procurar um profissional, pois ele tem a habilidade suficiente para eliminar apenas os fios necessários.

De quanto em quanto tempo é preciso fazer o corte bordado?

O corte bordado precisa de manutenção com mais frequência que um corte de cabelo normal. Enquanto você pode aparar as pontas a cada 90 dias, terá que refazer o bordado a cada 40.

Como fazer o corte bordado durar mais?

É fundamental que você continue oferecendo um tratamento profundo aos fios para recuperar sua saúde e garantir que as pontas duplas e ressecadas não apareçam novamente.

Shampoo Seda Pós-Danos by Rayza e Super Condicionador 1 Minuto Seda Pós-Danos by Rayza, por exemplo, contam com ingredientes poderosos para tratar os fios danificados: mel e óleo de abacate, que resultam em madeixas reparadas, hidratadas e brilhosas!