Já a faz algum tempo que jogo Gotham Knights foi anunciado. Mas até então segundo as críticas, o jogo ainda não ganhou confiança do público gamer. Até a sua mais recente revelação da jogabilidade, o título ainda traz dúvidas, e estás mesmas só podem ser sanadas no seu lançamento, marcado para outubro deste ano.

Lembre-se que, segundo a trama, Robin, Batgirl, Asa Noturna e o Capuz Vermelho terão que defender Gotham após a morte de Batman. O jogo tem um co-op para dois, mas a campanha da história pode ser jogada sozinha.

De acordo com Ellenor, não há uma única missão em Gotham Knights que exija um parceiro para ser concluída. No modo conjunto, eles permitem que jogue para os mesmos personagens.

Os Desenvolvedores afirmam: “A Cidade será, maior versão de Gotham”

Os Desenvolvedores afirmam: “A Cidade será, maior versão de Gotham”
Os Desenvolvedores afirmam: “A Cidade será, maior versão de Gotham”

Numa recente entrevista a Game Informer, e a WB Games Montreal trouxeram mais detalhes sobre as posses e habilidades que os Cavaleiros de Gotham terão no game.

Foi dito pelos desenvolvedores que a Gotham deste jogo será a maior versão da cidade já feita nos games. É claro se comparando aos games franquia Arkham.

Cada herói terá 11 opções de fantasias, que podem mudar a cor e vários elementos. Para criar looks, precisará de plantas espalhadas por toda a passagem.

A motocicleta também está sujeita à individualização, onde os personagens poderão atravessar Gotham (uma das maneiras mais rápidas de viajar). Você não pode atualizar a moto, mas pode mudar a cor e o som do motor.

O mais recente gameplay revelado, não trouxe uma exploração por Gotham City, mas sim apenas uma missão específica no topo de um prédio. Logo, não temos a forma visual e concreta como está Gotham aos olhos do game. Ademais, quanto aos combates, é esperado uma variedade de golpes e abordagens, dado o arquétipo de cada um dos quatro personagens.

Gotham Knights será lançado em 25 de outubro no PC (Steam, Epic Games Store), PS5, Xbox Series X e S. O jogo também estava planejado para lançamento no PS4 e Xbox One, mas os desenvolvedores abandonaram as versões para consolas de videojogos da geração anterior.