Bernie Stolar, 25 de junho de 2022 esteve envolvido no lançamento do PlayStation e do Dreamcast, tinha 75 anos

Um dos mais importantes executivos dos videogames da década 90, faleceu aos 70 anos informa a GamesBeat.
Stolar iniciou seu negocio de videogames em 1980, primeiro fundando uma empresa de moedas entes de se mudar para a Atrari;
Onde fez de tudo, desde trabalhar nos seus jogos de arcade ate os seus esforços posteriores de consola de videojogos domestico para, todas as coisas liderarem o desenvolvimento no Lynx, o infame dispositivo portátil enorme da Atari.
Morreu o Homem que ajudou a lançar o PlayStation e o Dreamcast
Morreu o Homem que ajudou a lançar o PlayStation e o Dreamcast

Ele mudou se  para a Sony, onde ajudou a fundar a divisão americana da marca PlayStation da empresa, trabalhando como o primeiro vice-presidente executivo da empresa.

Enquanto na Sony, sua maior conquista foi alinhar vários estúdios e propriedades para a primeira biblioteca de jogos do PlayStation – formando relacionamentos que em muitos casos duram em 2022 – incluindo Ridge Racer , Crash Bandicoot e Spyro.

Após o lançamento do PlayStation, Stolar mudou-se para a rival Sega, onde ele não brincava. Como GamesBeat lembra:

“Quando cheguei à Sega, imediatamente disse: ‘Temos que matar Saturno. Temos que parar Saturno e começar a construir a nova tecnologia.’ Isso é o que eu fiz.

Trouxe uma nova equipe de pessoas e limpei a casa. Havia cerca de 300 funcionários e reduzi a empresa para 90 funcionários para começar a reconstrução”, disse Stolar.

Enquanto com a Sega Stolar fez outra assinatura visionária de longo prazo, comprando um estúdio chamado Visual Concepts que se tornaria 2K Sports e continua a lançar a série NBA 2K até hoje.

A carreira de Stolar após os anos 90 foi marcada por passagens pela Mattel (onde ele pressionou a empresa a dobrar a produção de videogames da Barbie) e Google, onde atuou como o primeiro “evangelista de jogos” da empresa;

Posição que usou para defender a ideia de um serviço de streaming de jogos, algo que a empresa acenou na época e depois… revisitaria uma década depois, muito depois de Stolar ter saído, antes de estragar completamente.

 

Publicidade