Como já sabemos que o smartphone de estreia da Nothing, o Phone 1, vai chegara equipado com uma séria de faixas de luz na parte traseira do celular, Mas graças a um vídeo Marques Brownlee, da a visão geral de como as faixas de luz serão úteis.

O vídeo destaca alguns casos de uso diferentes, incluindo LEDs funcionando como um indicador de carregamento, destacando notificações não lidas ou piscando enquanto estiver a tocar.

Nothing Phone 1 mostra os seus truques exclusivos de iluminação 
Nothing Phone 1 mostra os seus truques exclusivos de iluminação

As faixas, da Nothing esta marcando como a sua “interface de glifos”, consistem em pouco mais de 900 LEDs individuias embutidos na parte traseira do smartphone.

O CEO Carl Pei Sugeriu anteriormente numa entrevista que eles poderiam servir como uma visão moderna do clássico LED de notificação de smartphone, mas agora temos uma ideia muito melhor de como isso realmente funcionara na prática.

Veja o que as luzes do Nothing Phone (1) podem fazer

Além de parecerem legais, existem algumas funções reais que as luzes do Nothing Phone (1) podem fazer.

Esses incluem:

  • Acende para indicar notificações
  • Brilha quando você usa o carregamento sem fio reverso
  • A luz inferior é um indicador do progresso do carregamento com fio (agite para mostrar)
  • Luz de preenchimento para câmeras
  • Luz vermelha piscando ao gravar vídeos
  • Pisca as luzes para combinar com os toques embutidos

Parece também que haverá algum tipo de feedback com o Google Assistant e o sistema de iluminação glifo.

Além dos próprios glifos, existe um LED vermelho que pisca quando o telefone estiver a filmar. Como parte blitz de marketing, a Nothing não teve vergonha de exibir o Phone 1 antes do seu lançamento oficial em 12 de julho.

Ele exibiu o design da parte traseira do telefone na mesma semana passada e já lançou uma prévia beta do seu Launcher baseado em Android, Nothing O.

Já sabemos que o telefone está com um processador Snapdragon, embora outras especificações ainda não tenham sido relevadas.