O gato tem o nariz seco: por que e quando precisamos nos preocupar

Já reparou que o seu gato sempre tem o nariz seco? Como saber se é sintoma de um problema de saúde e como intervir.

O gato tem o nariz seco
O gato tem o nariz seco: causas, sintomas e quando se preocupar (Foto Pixabay)

O gato que não está bem não reclama necessariamente: mesmo alguns sinais ‘tácitos’ podem exprimir um mau estado de saúde. Por isso todos os sinais que seu corpo nos envia são fundamentais: um deles é o nariz seco. Se já notamos que muitas vezes o gato fica com o nariz seco, então, antes de nos alarmarmos, devemos considerar uma série de fatores que poderiam tê-lo incomodado (e não necessariamente um problema de saúde). Vamos ver o que é.

Você também pode estar interessado em: Mau comportamento do gato: como resolver o problema

O gato tem o nariz seco: é preocupante?

Gato em primeiro plano
Focinho do gato em primeiro plano (foto Pixabay)

A resposta ideal seria: ‘Não necessariamente’. Na verdade, se um felino mostra o nariz seco, nem sempre é sinal de que há algo errado com seu corpo. É verdade que às vezes um gato pode ter febre e, portanto, o nariz pode secar, mas não é necessariamente um sinal de uma gripe em curso. Alguns até afirmam, erroneamente, que a temperatura corporal de um gato pode ser medida usando seu nariz como um “termômetro”. Mas isso não é absolutamente verdade, pois uma série de fatores, como os listados acima, devem ser considerados. Como veremos em breve, os motivos também podem ser externos e relacionados à condição em que vive o gato.

Nariz seco em gatos: as causas

Gato
Gato cinza (foto Pixabay)

Na verdade, pode ser um problema de saúde, mas, como sempre deve ser feito, não deve se basear apenas em um único sintoma. O felino que não está bem não tem apenas o nariz seco: nós o veríamos abatido, cansado e talvez pudesse até mostrar inapetência ou episódios de vômito e diarreia. Resumindo, vamos ver quais são as causas que podem ressecar o focinho do nosso querido amigo de quatro patas.

Único: sabemos o quanto os nossos gatos gostam de ficar ao sol nos primeiros dias de calor! Não precisa ser um dia abafado ou o gato está na praia: mesmo atrás do vidro de uma janela o nariz do gato pode esquentar demais e secar.

Umidade: quando o gato mora em uma casa onde o valor de umidade é bastante alto, ele tende a ficar com o nariz seco. Porém, é uma forma de desidratação em gatos, da qual devemos cuidar (leia aqui: Desidratação em gatos: sintomas, possíveis causas e remédios).

Lareira ou fonte de calor: nos dias frios de inverno quem não acende fogo ou radiador em casa? Aqui o gato tem a oportunidade de se divertir ao máximo, por isso vai sentar-se o máximo possível ao lado de uma lareira ou perto (se não por cima) do radiador. O resultado? Nariz e garganta secos.

Saúde debilitada: pode ser febre e rinotraqueíte. No primeiro caso, a única coisa que pode tirar dúvidas é medir a temperatura com um termômetro e, se não souber como, aqui vão algumas dicas: Como reconhecer e tratar a febre felina: dicas práticas. No caso de rinotraqueíte, ou infecção viral, o felino tem problemas respiratórios.

Você também pode estar interessado em: Nariz inchado em gatos: causas, sintomas e tratamento

Como é um nariz doentio

Podemos entender que o nariz tem algum problema com sua aparência? Absolutamente sim. O nariz, e em particular o nariz, apresentaria algumas ‘esquisitices’. Em primeiro lugar não seria liso e brilhante, teria pequenas incrustações na superfície e talvez até lesões sangrentas. Portanto, além de estar rachado, o nariz também pode estar coberto de crostas duras e escuras. A própria cor do nariz também pode ser uma indicação. Geralmente é rosa, mas pode ficar branco.

O que podemos fazer se o gato estiver com o nariz seco

O gato tem o nariz seco
O gato tem o nariz seco: como é e o que fazer (Foto Pixabay)

Notamos que o nariz do gato apresenta um ou mais sintomas além dos listados acima? O melhor é marcar um check-up no veterinário: vamos indicar também os sintomas que percebemos além do nariz seco e se o ‘distúrbio’ dura e persiste por dias.

Francesca Ciardiello

O gato tem o nariz seco: por que e quando precisamos nos preocupar