O que uma GRAVIDA PRECISA de seu PARCEIRO

O que uma GRAVIDA PRECISA de seu PARCEIRO
.

O que uma mulher grávida precisa de seu parceiro

Durante os 9 meses que dura a gestação o protagonismo é desempenhado pela mulher e pelo futuro bebê que está crescendo em seu ventre. Mas não podemos esquecer a importância do casal, que também aguarda a chegada do bebê e é fundamental no processo.

Publicidade

Uma mulher grávida não é uma mulher doente, mas em certos momentos ela pode precisar de alguns cuidados especiais ou atenção para se sentir bem. Neste artigo para bebês, veremos o que uma mulher grávida precisa de seu parceiro e quais os aspectos que devem ser levados em consideração no casal durante a gravidez.

Empatia

Nem todas as gravidezes são iguais e, em muitas ocasiões, o desconforto da gravidez, o peso extra, as dores, a queda da pressão arterial, a revolução hormonal, etc., fazem as mulheres incapaz de realizar suas rotinas usuais.

Você deve levar uma vida normal dentro de suas possibilidades, seguindo as recomendações feitas pelo seu médico e, seu parceiro, deve tratá-lo com amor, coloque-se no lugar deles e tenha paciência e compreensão. Ações tão simples como acompanhá-la às aulas de ultrassom ou parto farão com que a mulher sinta que seu parceiro está totalmente envolvido na gravidez.

Ouça e preste atenção

Nem todas as mulheres apresentam os mesmos sintomas durante a gravidez ou passam maus momentos. Haverá alguns que estão bem desde o primeiro momento e outros que começarão com desconfortos muito cedo.

Os hormônios podem pregar peças e ir do choro ao riso ou raiva em apenas alguns momentos, o que pode levar a incertezas ou discussões no casal. É necessário que o casal ouça a esposa grávida saiba o que você precisa em todos os momentos e como fazer as coisas para que ambos estejam bem. A preocupação com a alimentação ou a necessidade de descanso extra também fará com que a mãe se sinta muito mais. vestido nesta longa estrada.

Comunicação

No casal, a comunicação é um dos pilares básicos para que tudo corra bem, mas em tempos de grandes mudanças como a gravidez e a criação dos filhos, é de vital importância. Ter uma comunicação fluente e aberta, onde todos podem expressar o que sentem, como você está se sentindo do que você precisa, etc., para que a relação se torne mais forte.

Busca de informação

Uma das maneiras pelas quais um casal pode mostrar à esposa que está totalmente envolvido na gravidez é procurando informações sobre tudo relacionado à gravidez, parto, pós-parto, cuidados com o bebê, etc.. Isso será muito gratificante para a futura mãe.

Falar sobre como eles vão lidar com a situação, ler depoimentos de outros pais e compartilhar leituras parentais serão opções muito boas.

O que uma mulher grávida precisa de seu parceiro - Encontrar informações

União

Cada pessoa tem uma forma de pensar muito diferente, mas é da maior importância concordar em pontos básicos sobre o futuro dos pais, formar uma equipe e ir para outra. Desde como o bebê será apresentado ao resto da família, até que tipo de educação eles receberão.

À medida que os bebês crescem, esse ponto é ainda mais importante para que ambos os pais não caiam em contradições ao agirem com eles. Aqui você pode ver os diferentes estilos parentais.

Acompanhamento em aulas de preparação para o parto

Porque o parto não é só da mulher, o casal também é um pilar fundamental nesses momentos. É importante que você vá às aulas de parto com ela saber como será o processo, como você pode apoiar a mulher nesses momentos, como acompanhá-la, etc. A partir da 27ª semana de gestação, recomenda-se iniciar as aulas de preparação para o parto.

Comunicação com o bebê

Não há nada mais fofo do que falar com a barriga redonda de uma grávida. Certamente a futura mamãe adora ver como seu parceiro se abaixa para falar com o futuro bebê e o vínculo entre pai, mãe e filho ou filha será fortalecido.

Você também pode obter um doppler fetal para ouvir os batimentos cardíacos juntos, algo que com certeza você vai adorar.

Conflito de gestão

A gravidez e o nascimento de um filho ou filha é uma das maiores mudanças que ocorrem no casal. A partir desse momento as prioridades mudam e é adicionada uma responsabilidade muito grande que pode romper o relacionamento. De fato, durante o primeiro ano de vida do bebê é quando a maior porcentagem de divórcios é, uma vez que nem todos os casais são capazes de se adaptar às mudanças.

Diante dos problemas que surgem no casal, podemos atuar da seguinte forma:

  • Fale sobre as coisas: a comunicação é a chave para qualquer problema.
  • Respeito: por mais zangados que estejamos, o respeito é básico. Devemos falar pacificamente, sem nos aborrecer e sem desqualificar a outra pessoa. Neste artigo, explicamos como resolver o conflito de forma assertiva.
  • EspaçoFazer planos separados ou passar um tempo sozinho fortalece o casal.
  • Veja o lado bom: Problemas no relacionamento não precisam ser ruins, na verdade, eles podem fortalecer o relacionamento desde que sejam gerenciados corretamente. É uma oportunidade para esclarecer as necessidades e desejos de cada um dos membros do casal. Neste artigo você encontrará estratégias para gerenciar conflitos de casais.
  • Colocando-se no lugar do outro ou outro e tente entender sua opinião.

Implicação

Como falamos no início do artigo, a gravidez não é só para a mulher que está grávida. No caso de um casal decidir trazer um bebê ao mundo, há muitas coisas que o pai ou a mãe podem fazer para mostre seu envolvimento total ao longo do período: ir ao curso de preparação para o parto, conhecer todo o processo, ajudar a mulher quando ela precisar, melhorar seus hábitos …

Compreensão

São muitas as mudanças que uma mulher grávida experimenta ao longo dos 9 meses de gestação. Seu humor, suas opiniões e algumas coisas sobre sua personalidade podem ser afetados muitas vezes, então coloque-se no lugar deles e tente entender sua situação é necessário e será muito agradável para ela.

Ajuda extra

Em geral, algumas das atividades que a mulher exercia até agora não podem ser realizadas ou é recomendável não realizá-las. Por ele, ela vai precisar de alguém para ajudá-la em certos momentos para fazê-los. Isso também fortalecerá o casal.

Respeito

É um dos alicerces da sociedade. Respeite cada pessoa e, ainda mais, seu parceiro e você mesmo. O respeito não se concentra apenas em evitar palavras desqualificantes, vai muito além. Um casal é formado por dois membros iguais, onde nenhum é mais que outro e onde todos podem tomar suas próprias decisões. E, mesmo não concordando em algo, confie no outro é essencial.

Suporte para

Nas suas decisões, nas suas idas ao posto de saúde, na sua alimentação, enfim, a gestante precisa se sentir apoiada pelo parceiro sempre e, mais especificamente durante a gravidez.

Hábitos saudaveis

A alimentação durante a gravidez deve ser o mais saudável possível e, além disso, hábitos nocivos como beber álcool ou fumar devem ser evitados durante a gravidez para que não interfiram no desenvolvimento do bebê. Neste artigo, indicamos os 22 alimentos proibidos na gravidez.

Se o companheiro da gestante junta-se para levar hábitos de vida saudáveis, Além de melhorar sua saúde, você apoiará sua esposa, envolvendo-se mais na gravidez.

Vínculo com o bebê

Falar com a barriga da futura mamãe, montar os móveis do bebê, preparar a roupa dela, ir a todos os exames médicos juntos … Tudo isso vai criar um vínculo com o bebê que vai acontecer no momento em que nascer e vejo você pela primeira vez.

Toda gestante precisa ser acompanhada neste processo tão importante para sua vida, pois o bebê vai fazer parte de uma família onde cada membro da família é essencial.

O que uma mulher grávida precisa de seu parceiro - Vínculo com o bebê

Se você quiser ler mais artigos semelhantes a O que uma mulher grávida precisa de seu parceiro, recomendamos que você entre em nossa categoria de Casal e gravidez.

Bibliografia

  • Soler Sarrió, A. (2015). O papel do pai na amamentação e na primeira infância.