Tribulus terrestris dosagem recomedada

Tribulus terrestris dosagem recomedada, no artigo de hoje vai ter a resposta lendo o nosso guia completo.

Há muito tempo diversos atletas já usam os fitoterápicos como ingredientes na dieta.

Seus benefícios são sentidos diretamente na rotina, garantindo melhores resultados e até mesmo auxiliando no processo de ganho de massa muscular ou emagrecimento.

Entre eles, um dos principais destaques é a Tribulus.

A planta é considerada uma erva daninha e, apesar de receber esse título, seus benefícios são amplos e vão fazer você querer investir e conhecer mais sobre ela.

Tribulus terrestris dosagem recomedada

Tribulus terrestris dosagem recomedada
Tribulus terrestris dosagem recomedada

Tribulus terrestris dosagem recomedada ? 

Dosagens- 250 miligramas 1 a 3 vezes ao dia

Como funciona? 

Tribulus terrestris é um hormônio não-esteroidal que aumenta a testosterona e aumenta os níveis do hormônio luteinizante (LH). Quando administrado em homens saudáveis de 28 a 45 anos, em 3 doses de 250mg ao dia ocorre um aumento de 41% dos níveis de testosterona no decorrer de 5 dias.
Além da elevação da testosterona, há um aumento da libido, frequência e força das ereções e recuperação da atividade sexual. Reduz os níveis de colesterol e melhora o humor.
Em mulheres, diminui os sintomas da frigidez sexual, aumenta a libido e reduz os sintomas da menopausa.
Possui significante atividade diurética e inibe a formação de pedras nos rins, bem como atua em casos de espermatorréia, fosfatúria, doenças genito-urinárias como disúria, gonorréia, cistite crônica, desordens urinárias, incontinência urinária, gota e também em desordens uterinas após o parto.
Útil em diabetes, infecções respiratórias do trato inferior e superior e problemas cardíacos. Também mostrou reduzir a pressão alta, como também sódio e mostrou um efeito analgésico.

 

Contra indicações: 

Este produto não deve ser utilizado como diurético por indivíduos hipertensos ou cardiopatas só deve ser feito sob controle médico devido à interação com cardiotônicos.

Tem-se observado que os alcalóides (harmano e norharmano) exercem uma ação neurotóxica irreversível sobre animais que consomem de forma repetida.

No mais, as saponinas esteroidais apresentam uma ação hemolítica, demonstrada in vivo em cordeiros. É recomendado dose baixa e tratamento descontínuo. É contraindicado o uso durante a gravidez, a lactação e pacientes com hepatopatias.