Vitacid antes e depois manchas

O Vitacid é um ácido conhecido no meio médico por tretinoína, existente em diversas concentrações, a finalidade do seu uso é clarear manchas e rejuvenescimento.

O uso correto baseia-se em aplicar pequenas quantidades a noite associado ao uso do protetor solar diário.

Caso haja esquecimento na aplicação do protetor ou irritação local causada por diversas formas (uso excessivo sem pausa, em grande quantidade, por exemplo) seguido de exposição solar ou até mesmo luzes do dia a dia, pode ocorrer uma piora das manchas.

Portanto, procure um dermatologista para indicar a melhor época e forma para clareamento de manchas.

Vitacid antes e depois manchas

Vitacid antes e depois manchas
Vitacid antes e depois manchas

Vitacid Plus age contra as manchas na pele produto tem se destacado como um poderoso tratamento para manchas escuras na pele, mas por se tratar de um medicamento, só deve ser usado sob orientação médica.

Causado por inúmeros fatores, o melasma é um distúrbio pigmentar da pele caracterizado por manchas escuras. É muito mais comum no rosto, mas pode aparecer em outras partes do corpo também.

Por estarem principalmente em uma região de maior visibilidade (o rosto), é fato que essas manchas incomodam e são motivo de preocupação entre as pessoas que as possuem. Por isso, a maioria delas não mede esforços para tratar o problema.

Flávia de Oliveira José, farmacêutica da Doce Flora, professora de Cosmetologia e coordenadora do curso técnico de Farmácia da Esaup (Escola da Saúde de Piracicaba).

Destaca que o melasma (manchas escuras na pele) é causado por inúmeros problemas, como distúrbios hormonais, medicamentos e o mais comum: a exposição errada (sem uso de protetor solar, uso inadequado ou insuficiente dele) e excessiva ao sol.

E um produto que tem se destacado atualmente no tratamento do melasma é o Vitacid Plus. Mas será que ele é mesmo eficaz? Como age na diminuição das manchas? Quem pode usá-lo?

Flávia ressalta que o Vitacid Plus é um medicamento e não um cosmético (produto de venda livre). Ou seja, necessita de prescrição e um acompanhamento médico para ser utilizado, já que pode provocar efeitos adversos graves se for usado inadequadamente.

O Vitacid acne é um gel de uso tópico que está indicado para o tratamento da acne vulgar leve a moderada, mas que ajuda também na redução dos cravos na pele.

Devido à combinação do antibiótico clindamicina com tretinoína, um retinoide que regula o crescimento e a diferenciação das células da pele.

Antes de usar este gel é importante consultar um dermatologista, para avaliar a pele e discutir as melhor opções de tratamento, que poderão incluir o uso de outros produtos e/ou medicamentos. Confira os principais remédios para tratar a acne.

Este gel é produzido pelo laboratório Theraskin em bisnagas de 25 gramas e é vendido nas farmácias convencionais, apenas sob prescrição do dermatologista.

Vitacid está indicado para o tratamento da acne vulgar, especialmente graus I e II leves. No fotoenvelhecimento, proporciona melhora das linhas de expressão, manchas e aspereza da pele.

Posologia: lavar e secar cuidadosamente as áreas afetadas com sabonete hidratante, à noite. Aplicar uma pequena quantidade do produto, massageando.

Pela manhã, lavar suavemente as áreas nas quais se aplicou Vitacid e secar com toalha, sem esfregar. Recomenda-se aplicação do filtro solar.

Pode-se observar a ação terapêutica após a segunda ou terceira semana de uso, tornando-se mais evidente a partir da quinta e sexta semana. Após obter-se resultados satisfatórios de melhora, continuar o tratamento com aplicações menos freqüentes.

A periodicidade das aplicações pode variar de paciente para paciente, dependendo da tolerância de cada tipo de pele e deve ser determinada pelo médico.

A aplicação de Vitacid acne deve ser diária, sendo recomendado o uso durante a noite antes de dormir, já que se deve evitar a exposição ao sol durante o tratamento. Por essa razão, também é fundamental o uso de protetor solar durante o dia.

Antes de aplicar o gel, deve-se lavar o rosto com um sabão neutro e secar bem com uma toalha limpa. Depois, é aconselhado aplicar uma quantidade semelhante ao tamanho de uma ervilha em um dos dedos e passar sobre a pele do rosto.

Durante a aplicação, deve-se evitar o contato com a boca, olhos, narinas, mamilos e genitais. Além disso, o produto também não deve ser aplicado na pele lesada, irritada, com fissuras ou apresentar queimadura solar.

Possíveis efeitos colaterais

Em algumas pessoas, o Vitacid acne pode causar descamação, ressecamento, coceira, irritação ou ardência na pele, que pode ficar vermelha, inchada, com bolhas, feridas ou crostas.

Nestes casos, o uso do gel deve ser interrompido até que a pele esteja restabelecida e também se deve informar o dermatologista.

Em alguns casos mais raros, pode ainda ocorrer ligeiro clareamento da pele ou aparecimento de manchas, e aumento da sensibilidade ao sol.

Quem não deve usar

O Vitacid Acne não deve ser usado por pessoas que tenham hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula, em pessoas com doença de Crohn, colite ulcerativa ou que tenham desenvolvido colite durante o uso de antibióticos.

Além disso, este medicamento também não deve ser usado sem orientação médica por mulheres grávidas ou que amamentar.

Como age e para quem é indicado o Vitacid Plus?

Foto: Getty Images

Renata Domingues, dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Professora de dermatocosmiatria do Instituto de Pós-Graduação Dermatológica (IMS), comenta que o Vitacid Plus é uma fórmula tradicional, que há alguns anos só era obtida através da manipulação.

“Até então era conhecido como a ‘fórmula Kligman’. A chegada desse medicamento no mercado foi um grande avanço”, diz.

“O Vitacid Plus é composto por ácido retinoico (tretinoína), que estimula a produção de colágeno e aumenta penetração de outros ativos através da microesfoliação;

Hidroquinona, ativo com efeito clareador; e uma baixa dose de corticoide, que tem ação calmante, para diminuir efeitos dos outros dois ativos, e também clarear a pele.

É indicado para pacientes que querem clarear a pele, principalmente no caso de melasma ou escurecimento pós-inflamatório”, explica Renata.

Helena Costa, membro da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia e dermatologista da Clínica Helena Costa, no Rio de Janeiro, ressalta que o retinoide presente no Vitacid Plus promove:

renovação celular, afinamento da epiderme, estímulo de colágeno, controle da oleosidade, redução dos poros, suavização das linhas finas, melhora da textura da pele. “Já a hidroquinona age clareando as manchas.

Por isso o produto é indicado para peles envelhecidas, manchadas, ásperas, oleosas”, acrescenta.